Conhecer dependente ajuda jovem a entender alcoolismo

Conviver com parentes e amigos que têm ou tiveram problemas com bebida faz com que os jovens saibam mais sobre o alcoolismo e, consequentemente, afastem-se do vício. O consumo de álcool por menores de idade é tema do 6º Desafio de Redação, promovido pelo Diário.

O tio de Rayane de Freitas, 14 anos, sofreu acidente de trânsito porque estava bêbado. “Ele passou no sinal vermelho, bateu em outro carro e estava sem carteira de motorista. Não aconteceu nada grave, mas o amigo que estava com ele bateu a cabeça no vidro”, disse a aluna do 9º ano da EE Profª Maria Josefina Kulhmann Fláquer, em Mauá. “Ver o que meu tio passa me ajuda a não entrar nessa vida.”

Quem também teve exemplo que não deve ser seguido dentro de casa é Ramony Aoun, 17, do 3º ano do Ensino Médio. O tio morreu de cirrose aos 36 anos. “Vejo que isso não é certo e não quero ter o mesmo fim que ele teve.” Para Ramony, o jovem começa a beber para se sentir popular. “Ou é muito tímido, quer se soltar e acaba se tornando dependente sem perceber.”

Na casa da estudante Raquel Herrera, 14, do 9º ano da EE Delfino Ribeiro Guimarães, era o avô quem costumava beber. Por causa disso, os pais conversam bastante sobre o assunto com ela e o irmão. “Ele bebia, ficava agressivo e batia na minha avó.” Alguns amigos já ofereceram bebida, mas ela recusou. “Aprendi que isso não leva a nada.”

Já o pai de Tatielle Fernandes, 14, começou a beber na adolescência e só conseguiu parar depois de adulto, já dependente do vício. “Hoje ele me aconselha a tomar cuidado com o álcool. Na época em que ele bebia, ficava um clima pesado em casa, não convivíamos em família”, disse a aluna do 9º ano.

O prêmio para a redação vencedora é uma bolsa de estudos na USCS (Universidade Municipal de São Caetano), co-realizadora do projeto. Serão distribuídos também bicicletas, televisores e computadores. O concurso literário chega hoje a São Caetano e Santo André. A iniciativa tem parceria do governo estadual e apoio da Ecovias.

Fonte: Diário do Grande ABC

CategoriasSem categoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *