Consumidor se arrisca ao misturar energético com bebida alcoólica

Apesar do alerta na embalagem, muitos consumidores se arriscam a misturar bebidas energéticas com álcool. Para algumas pessoas, a mistura deixa mais alegre, mas as consequências aparecem em seguida: perda de memória, sensação de afobação, e, no dia seguinte, uma indisposição.

As bebidas energéticas possuem, além de vitaminas, alguns estimulantes, entre eles a cafeína. A quantidade de substância presente em uma lata de energético equivale à mesma quantidade em quatro xícaras de café.

Nos bares e nas baladas, o energético geralmente é consumido junto com destilados, como uísque, vodca e rum. Os apreciadores da mistura muitas vezes querem mascarar os efeitos da bebida alcoólica, mas segundo especialistas, esta é uma falsa sensação: mesmo misturado ao estimulante, o álcool provoca consequências, como a perda dos reflexos.

O cardiologista Otávio Rizzi Coelho, da Faculdade de Ciências Médicas (FCM) da Unicamp diz que o consumo moderado do energético não faz mal à saúde e aconselha tomar no máximo uma lata por dia e jamais misturar com bebida alcoólica.

Fonte: G1

CategoriasSem categoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *