Por um trânsito mais seguro

A falta de atenção, de respeito às leis e o uso de bebidas alcoólicas são hábitos perigosos no trânsito. Mesmo as pessoas que não têm idade para dirigir devem ter consciência disso. Todos podem ajudar e informar os condutores sobre os cuidados necessários para a segurança de motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres.

Para mobilizar os cidadãos, os Ministérios da Saúde e das Cidades e o Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) se uniram para realizar uma campanha que pretende mudar o comportamento dos motoristas brasileiros e fazer um alerta à população perto do carnaval.

A campanha educativa chama “Por você e pelos outros: respeite as leis de trânsito”. Até o fim deste mês, cenas e situações de imprudência nas rodovias e vias urbanas vão chamar a atenção para os acidentes que ocorrem quando o motorista excede a velocidade permitida, faz ultrapassagens perigosas, utiliza o celular quando ao volante e dirige sob efeito de álcool.

Essas atividades precisam ser evitadas. Crianças e jovens podem ajudar os pais e conhecidos a lembrarem dos cuidados necessários no trânsito – como usar o cinto de segurança.

De acordo com coordenadora da Área Técnica de Vigilância e Prevenção de Violências e Acidentes do Ministério da Saúde, Marta Alves da Silva, a educação no trânsito deve ser permanente. “O bom comportamento deve ser estimulado entre todos os condutores.

Motoristas de ônibus, caminhões, taxistas e veículos de passeio precisam respeitar as leis de trânsito. A direção responsável evita lesões e mortes de motoristas, passageiros e pedestres”, explica a coordenadora.

Fonte: Fernanda Mariano / Folha da Região – Araçatuba

CategoriasSem categoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *