Toda história merece ser contada

Compartilhar aprendizado conquistado após o sucesso do tratamento contra a dependência alcoólica é muito importante, ainda mais pela Internet, onde há uma quantidade inimaginável de conteúdo – ainda que informações com qualidade sejam mais difíceis de se encontrar.

Mas o site alcoolismo.com.br, além de toda a confiabilidade de seu conteúdo, elaborado por quem realmente entende do problema, também possui uma seção de depoimentos. Nela, os visitantes podem compartilhar experiências, levando mais esperança para aqueles que buscam a ajuda de que precisam.

Nesta edição do informativo online, relatamos experiências de dependentes que passaram por tratamentos e também de pessoas próximas, que expuseram suas experiências no alcoolismo.com.br.

“Meu marido está, neste momento, numa clínica de recuperação. Estou me sentindo muito só, muita saudade, mas muito feliz. Pois tenho a certeza que as coisas vão melhorar muito. Já estão melhores!”, conta Jana, cujo marido está sob tratamento numa clínica de recuperação.

Já Bruna, que conviveu tristes anos com o alcoolismo do pai, que por conta da dependência contraiu um câncer na próstata, fala do amor da família e da recuperação do seu hoje melhor amigo. “Eu o admiro, o perdôo por tudo, porque ele soube corrigir seus erros e mostrar que aquele menino que engraxava sapatos hoje é um médico brilhante, um pai maravilhoso, um marido exemplar”, conta.

O ex-dependente Anderson, por sua vez, que além de recuperado hoje ajuda no trabalho de prevenção ao uso de drogas, conta da ilusão que sentia antes de se tornar dependente. “Pensava que tinha controle sobre a bebida, a usava porque ela dava prazer, alegria, trazia conquistas.

Como aquela mulherada que vemos nas propagandas de televisão são lindas ali no reclame, ‘né’?”, ironiza. “Depois que deixei as drogas observei que meu ciclo de amizades voltava a ser interessante e que me agregavam muitos valores, além de estar reconquistando minha família que hoje vive muito feliz”, completa.

E para as famílias que pensam no tratamento de seus entes queridos, e por isso procuram ajuda, vale a pena o recado deixado por Kelly. “Peço que nunca ninguém desista, rezem sempre, tentem sempre alcançar o melhor, e nunca os abandonem. Mesmo que eles não percebam, é a hora que mais precisam de vocês!”, exclama.

E você, caro leitor. Se tiver algum caso parecido, deixe seu depoimento! Ele poderá fazer diferença para outras pessoas que também querem voltar a viver.

CategoriasSem categoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *